29 de abr de 2009

Sorvetinho DO CERRADO

Pessoal, estou sumida.. uma amigona veio passar uns dias de férias aqui em Brasília e dai o sanguinho Tia Augusta fica aflorado. Pouco comemos em casa (descobrimos um almoço serve-serve por R$8,18 o kilo.. resumindo, tem saído mais barato comer fora e com mais variedade do que comer por aqui! E eu assumo que ando com uma preguicite aguda para cozinhar!

E daí nas nossas andanças (por Pirenópolis) nos deparamos com o sorvetinho DO CERRADO. Uma delícia! Foca os zóio na foto pra ver se vc consegue ler a infinidade de sabores! :) Alguns que eu nem conhecia!

Eu até me forcei a experimentar sabores diferentes, mas não resisti quando li que tinha de groselha! Amo groselha!

Quando eu era criança a gente passava as férias inteiras na praia e daí tínhamos direito a um sorvete de palito (de fruta no meio da semana e quando meu pai chegava podíamos pedir "dos caros") ou uma raspadinha do Seu Lauro. E eu sempre, mas sempre mesmo pedia de Groselha! Não era destas marcas famosas que a gente comprava, eu até queria lembrar a marca.. mas não estou conseguindo recordar!

A dica da atendente foi boa.. Toperebá com um pouquinho de sal..

Prometo que na próxima ida a Pirenópolis provarei sabores diferentes! Eu juro! :)

People, ficarei fora estes dias.. comportem-se, hein?
Bjokas, Glau

Ps:Dica pra quem ainda não sabe o que dar para a Mamys no Dia das Mães! Entre no Quitandoca.

28 de abr de 2009

Torta de cebola

Eu adouro cebola! Crua, com bastante vinagre, na salada. Fritinha, cozida, refogada, empanada, adoro!

É verdade que se a gente vai namorar depois, é conveniente que role um acordo do tipo "se tu fores, vou também!". Cebola tem que dar aquele toque todo especial, nao o contrário, pelamorrrr!

Esta receita vi no rainhas e guardei bem guardadinha. Neste final de semana preparei e adorei o resultado! Como minha forma redonda com buraco no meio estava na casa de uma amiga para quem levei um bolinho outro dia, fiz numa forma de tartin, por isso ficou assim fininha e a chamei de torta e não de bolo como a Faby.

Anotem o passo-a-passo, que é super facinho!

Refogue 3 cebolas picadas e 3 tomates sem pele e sem sementes também picados. Tempere com sal e pimenta à gosto (eu acrescentei tomilho e adorei!), salsinha e cebolinha picados. Reserve.

No liquidificador, bata 3 ovos, 1/2 xícara de maizena, 1/2 xícara de farinha de trigo e 1 colher (sopa) fermento em pó. Junte a mistura ao refogado de cebola e misture bem.

Em forma de buraco, ou naquela de sua preferência(!), untada e enfarinhada, despeje o preparado e leve ao forno médio por 20 minutos até dourar.

Eu tirei do forno e decorei com um tomatinho cereja cortado ao meio, simples e gracioso!

Um beijo e boa semana pra vocês!
Marula.

27 de abr de 2009

Dia das Mães

Morando em SP não ia muito na casa dos meus pais, aliás ia muito pouco, o que era sempre motivo de queixa (deles). E agora que estou aqui em Brasília, sinto tanto a falta deles! Toda vez que vamos conversar pelo Skype, antes da conversa, preciso fazer uma ultra, mega, master concentração para não chorar! E quando vejo meus sobrinhos? Dai ferrou de vez... é maior que eu e acabo chorando! E eu sei que eles ficam chateados de me ver assim.. mas é aquele velho papo, estou me adaptando ainda e tal.. faz parte!

Mas eu tô com o coração apertado pq já está chegando o Dia das Mães! E ai? O que eu faço? Não queria ficar sem vê-los..

Enfim, o motivo deste post não é para chorar as pitangas, muito pelo contrário! É para apresentar os novos Kits do Quitandoca preparados especialmente para o Dia das Mães! Os Kits ficaram lindos! Brigadeiros com um buquet de florzinhas artesanais! Fofos! A sacolinha dos presentes também é toda arrumadinha! Sua mãe irá amar!

Ah, os outros Kits continuam disponíveis!
Entra lá para encomendar o presente pra sua mamys ou para qualquer outra pessoa querida!
Como sempre entrega pra Sumpaulo e pra Brasília! Mas olha que bacana, posso ir para SP entregar os Kits do Quitandoca! Uno o útil ao agradável! Bom, né?

Bem curta e grossa: Não enrola pra encomendar pra eu me agilizar!
Bjokas, Glau

http://www.quitandoca.com/

23 de abr de 2009

Fúria!

Meu sobrenome neste exato momento é ódio!

Contratei um serviço de encanadores e os maledetos, pra não chamar de outro nome, simplesmente derrubaram meus apetrechos de cozinha em cima do fogão.. resumindo quebraram minhas abóboras e minha tampa de vidro do fogão!!!!
Minha casa está que é só vidro! Muita, muita raiva!

Obrigada pelo desabafo!

Palitar os marfins..

Palitar os dentes agora ficou mais chique!
Peraí! Como assim ficou mais chique?

Jamé! Me dá paúra, arrepio só de pensar em alguém palitando os dentes e o pior, alguém que fica com o palito pendurado na boca por horas! Daí, minha imaginação (que nem sempre me ajuda) vai longe.. imagino até aquela pessoa com palitão na boca tirando um cochilão e a bocona aberta e o palito pendente! Af, não dá, né gente?

Danusa Leão comenta: "... palitar os dentes, nem sozinho em um quarto escuro!".

Ok, ok atire a primeira pedra quem nunca enfiou o dedo na boca ou pensou em usar um palito pra tentar tirar aquele pedacinho de carne maledeto que entrou bem no espaço minúsculo entre os dentes! E maçã então? Chega até a doer a gengiva! Mas, plis, fica aqui o meu apelo... nada de colocar o dedão na boca, corra (sozinho) para o banheiro e passe um fio dental! E, por favor, não vá cheirar o fio depois! hahaha

Se você ainda continua a ler este texto, peço desculpas pelo assunto! Pô, um blog de comida e afins não combinar falar desses assuntos, né? Juro que não sei o que deu em mim (como se eu fosse très chiq)! Mas que é engraçado, é! :)

Tá, mas pra que falar de tudo isso? Sabe que é? Já falei em algum lugar do passado que eu adoro a Feirinha da Torre de TV daqui de Brasília.. e daí vimos (eu e sogra) esses enfeites para palito de dente! Feitos um a um.. não são fofos? E ai sim.. fica bonitinho se vc servir um aperitivo.. uma azeitoninha e colocar estes palitinhos decoradinhos.. tudo muito inho!

Foto: O porco e os palitos by Glau

Tem de melanciazinha, passarinho, moranguinho, bananinha, coquinho, cajuzinho e outras formas indecifráveis! :)
Bjoka, Glau

22 de abr de 2009

Mosaico de chocolate



Foram bem de feriado?!

Os meus dias de descanso foram deliciosos! Céu azul cor de outono, nem uma nuvenzinha pra gente contar e brincar de adivinha, mon amour ao meu lado, minha família também, uma pedalada a beira mar, e uma sobremesa divina para completar dias tão especiais!

Vi esta receita no site da Ana Maria Braga e foi paixão à primeira vista! Achei tão lindo o resultado, gostei tanto da mistura dos ingredientes e, sobretudo, da praticidade em prepará-la, que não resisti e corri pra cozinha.

Quando servi, ouvi de todos o mesmo comentário: "Humm, deliciosa e linda, parece torta comprada em doceria". Engraçado, pois é o mesmo comentário que a Ana Maria fez no seu programa! Além de linda, é muito gostosa mesmo, merece todos os elogios que vocês irão ouvir quando fizerem!

O único porém, que eu sinto obrigação em contar aqui para vocês, é que a produção da Ana Maria diz que você gastará R$ 13,00 para fazer esta receita, mas isto não procede! Esta sobremesa, maravilhosa e linda, exige mais do seu bolso! Mas se você puder fazer, faça, vale cada pedaço, cada sorriso, cada carinha/estômago feliz!

Anotem tudinho e mãos à obra!

Ingredientes:

3 pacotes de biscoito negro recheado sabor baunilha (OBS: retire o recheio dos biscoitos de 2 pacotes)

250 g de chocolate meio amargo picado

2 latas de creme de leite sem soro

600 g de chocolate branco picado

1 colher (sopa) de essência de baunilha

manteiga para untar

Modo de Preparo:

1- Numa fôrma de fundo removível (20 cm de diâmetro) untada, vá arrumando 1 pacote de biscoito negro recheado sabor baunilha no fundo da fôrma. Na lateral da fôrma arrume os biscoitos (sem recheio) e reserve alguns sem recheio para decorar a torta. Reserve.


2- Em banho-maria derreta 250 g de chocolate meio amargo picado com a lata de creme de leite sem soro (reserve o restante do creme de leite). Reserve.

3- Num outro banho-maria derreta 600 g de chocolate branco picado com a lata de creme de leite sem soro e 1 colher (sopa) de essência de baunilha. Reserve.

4- Sobre os biscoitos (que estão na fôrma) acrescente metade do creme branco e leve à geladeira para endurecer (+/- 10 minutos).

5- Retire a fôrma da geladeira, acrescente todo o creme preto e leve a fôrma novamente à geladeira para endurecer (+/- 10 minutos).

6- Depois retire a fôrma da geladeira, coloque o restante do creme branco, cubra com biscoitos sem recheio e leve à geladeira. +/- 1 hora.

Eu tirei uma foto do meio da torta só para mostrar o mosaico: bolacha/chocolate branco/chocolate negro/chocolate branco. A foto não ficou assim lindcha, mas dá pra ter uma boa idéia e mais vontade de ir já prepará-la, não dá?!?!

Um beijo para vocês e bom começo (que já é meio, oba!) de semana!
Marula.

20 de abr de 2009

Jantar simples, mas especial.

Os pais do Ale vieram pra Brasília passar o feriado com a gente. Depois de muito bater perna, comer fora, resolvi preparar uma sopinha em casa. Nada demais! Mas daí fui pegando um potinho, depois outro e me empolguei! Quando vi coloquei em uso todos meus apetrechos de cozinha.

Nas panelinhas maiores coloquei requeijão e na outra cream cheese (ia polvinhar com alecrim, mas esqueci). Nas panelinhas menores coloquei manteiga e mostarda dijon (quando tirei a foto ainda não tinha colocado a mostarda).

Nas mini abóboras tinha azeitona preta e na outra um temperinho para salada verde. Na tábua que ganhei da querida Téia, tinha um pedaço de queijo parmesão daqueles fortes que se vc come muito, machucam até o céu da boca (pelo menos o meu!). No pratinho ao fundo coloquei azeite com pimenta rosa e alecrim com um tequito de nada de sal, pra "molhar" o pão.

Nestas travessinhas foférrimas que acabei de ganhar dos meus sogros e que amei, coloquei em uma delas antepasto de berinjela e na outra assei pão de queijo (comprei pronto pra facilitar a minha vida! Com certeza o sabor não se compara com o feito em casa!)

Nas mini cocottes que também acabei de ganhar que também amei :) fiz um vinagretezinho só com tomate e cebola e na outra travessinha coloquei folhinhas de manjericão colhidas na hora pra jogar na sopa.

Na bancada pus 2 vidros de azeite que aromatizei, um deles com dentes de alho e outro com pimenta rosa.

E pra decorar.. foi uma garrafinha de vidro com uma rosa!
E a sopa? Acredita que esqueci de fotografar? Mas foi igualzinha a esta daqui que sempre faço e sempre amo, de mandioquinha ou batata baroa, como costumam chamar aqui em Brasília. Facílima de fazer e deliciosa! Fica um cremão!

E pra colocar o pé na jaca de vez ainda tiveram os doces que meus sogros compraram na Confeitaria do Daniel Briand!

Olha ai ó, é só ter calma, ir ajeitando as coisas aos poucos que dá sim pra montar uma mesa bem caprichadinha e simples de fazer! Mas o pano de fundo de tudo isso é: quis receber os meus sogros com o maior carinho! Estou mto feliz que eles estão aqui!

Um beijo pra vc! Glau

19 de abr de 2009

Feira Internacional de Artesanato

Tá rolando aqui em Brasília a Finnar (Feira Internacional de Negócios do Artesanato). Of course que do jeito que eu adoro artesanato, não iria ficar fora desta! Achei bem bacana pra conhecer artistas daqui de Brasília e conhecer um pouquinho mais dos trabalhos dos artesãos do Brasil e de outros países. Tão bacana ver culturas tão diferentes!

Obra de um artista local.. por total gafe minha não anotei o nome! Se alguém souber, por favor, me envie!
Louças da Tunísia
Artesanto do Peru

Expositores do Ceará! A feira acontecerá entre os dias 17 a 26 de Abril, no Centro de Exposição Ulisses Guimarães.
Entrada R$8,00 (inteira) e R$4,00 (meia).

Fica aqui uma dica de passeio!
Bjo, Glau

Ps: Brasília completa 49 anos no dia 21-Abril e a cidade está toda bonita pra festa! Já é bonita, mas está ainda mais bonita!

16 de abr de 2009

Bolo de cenoura integral da Rita Lobo

Acho que não é mais novidade pra ninguém que eu adoro preparar bolos.. e ontem calhou a fome com a vontade de comer! Passeando pelo Panelinha li o post da Rita Lobo no qual sua cozinheira, Noelia, resgatou a receita de um bolo de cenoura preferido dela! Bolo de cenoura integral com cobertura de cream cheese! Quais as chances desta combinação ser perfeita? Muitas, né?

E lá fui eu preparar o bolo e enviei um email para a Rita agradecendo a receita, entre outras cositas. E quem acabou de aparecer no Panelinha? Quem? Quem? Esse bolão dai da foto e meu email!! Talvez vcs, que tbém adoram o Panelinha, saibam um pouquinho da emoção que senti ao ver meu bolito neste site tão bacana!

Bolo de cenoura integral
Panelinha

175 g de açúcar mascavo
2 ovos grandes
120 ml de óleo de girassol
200 g de farinha integral
½ colher (chá) de fermento em pó
1 colher (chá) de canela em pó
uma pitada de noz-moscada raspa de uma laranja
200 g de cenoura ralada

175 de uvas-passas
manteiga para untar e farinha de trigo para polvilhar

Modo de preparo
1. Unte uma fôrma de bolo com furo com manteiga e polvilhe com farinha de trigo. Preaqueça o forno a 180ºC (temperatura média).
2. Na batedeira, junte o açúcar, os ovos e o óleo e bata por 5 minutos, em velocidade alta.
3. Enquanto isso, passe por uma peneira a farinha, o fermento e as especiarias. Diminua a velocidade da batedeira e junte os ingredientes peneirados ao creme de ovos. Bata apenas para misturar.
4. Desligue a batedeira e misture com uma colher a cenoura ralada e as uvas-passas.
5. Transfira a massa para a fôrma preparada e leve ao forno preaquecido para assar por cerca de 40 minutos.

Cobertura (opcional)
250 g de cream cheese
20 g de açúcar
2 colheres (chá) de essência de baunilha
Na batedeira, junte todos os ingredientes e bata até formar um creme bem fofinho. Quando o bolo estiver frio, espalhe a cobertura e sirva a seguir.


Corre lá no Panelinha pra ver o bolo e o restante de artigos, receitas bacanas que tem por lá!
Bjos, Glau

15 de abr de 2009

Caderno de receitas


O que te vem à cabeça quando você lê as palavras "Caderno de receitas"?

Pra mim tais palavras são apenas um simples start para uma associação livre sem fim... lembro do caderninho de receitas da minha mãe, é um super antigo de brochura e na capa tem uns jogadores de vôlei em plena ação! (na época minha mãe jogava vôlei e frequentemente a gente ia assistir aos jogos da seleção no Ginásio do Ibirapuera. Era muito divertido!), lembro do molho de macarrão da minha avó, lembro das receitas da minha outra avó e que se perderam no tempo, lembro da briga acirrada das cunhadas pelo caderno de receitas da sogra e por ai vai...

Mas por falar em briga acirrada pelo caderno da sogra.. este assunto já deu muito pano pra manga! Já falamos inclusive que este livro deveria entrar no testamento para não ter brigas futuras :) O bacana do caderno dela, da sogra, não está apenas nas datas das receitas, na qualidade das mesmas, mas o caderno é incrivelmente bonito!

Bom, tudo isso pra dizer que eu joguei a toalha branca e passei a briga pra frente.. Eu ganhei um livro igualzinho de aniversário!!! Me fala se não foi um presente bacanérrimo?

Pra muitas pessoas, caderno de receitas é herança, traz toda a tradição e costumes da família! Assim estou cuidando e cuidarei do meu presente com o maior carinho para que no futuro ele seja herdado e passado pra frente! Afinal, considero que as receitas boas devem ser lançadas ao mundo..

Agora as perguntas que não querem calar!
1) Nestes tempos modernos de receitas virtuais, você tem caderno de receitas?
2) Como é seu caderno?
3) Você separa as receitas doces das salgadas?
4) Você decora seu caderno?
Isso mesmo, desembuche e me conta tudo.. meu lado fifi é super atiçado!

Bjos, Glau

14 de abr de 2009

O bacalhau da nossa Páscoa

Hum, hum, comeram bastante nesta Páscoa? Curtiram junto aos seus? Foi bão pra vocês?! ;)

Esta Páscoa foi tão, mas tão recheada de delícias que eu confesso ter ficado muito em dúvida sobre o que compartilhar primeiro com vocês. Foram tantos quitutes, tantas receitinhas novas... Ó dúvida cruel...! O bom é que agora eu tenho muitas coisas gostosas pra mostrar e contar para vocês, a começar que este foi o melhor almoço de Páscoa que já tivemos, tanto pela comida como pelo clima de festa e sol-ol-ol! Tão, tão, tão bom!

Bom, depois de pensar e pensar, optei por começar a série "Páscoa 2009" com o prato mais popular da Páscoa, aquele que não pode faltar, o bacalhau!

Quem ficou responsável por prepará-lo foi meu pai. Além de todas as qualidades que já declamei sobre ele aqui, faltou dizer que meu véio cozinha muito! O bacalhau dele é bom mesmo!

Vamos à receita!

Compre o bacalhau em postas e deixe-as de molho em água num recipiente na geladeira. Atenção, se não for em água gelada, o sal não se liberta do bacalhau! Confiem em mim, palavra de quem já comeu muito bacalhau salgado por aí! Troque a água 4 ou 5x (faça isso um dia antes do preparo que é suficiente), mas cuidado para o bacalhau não desmanchar, pois aí, babau!

Com o bacalhau dessalgado, seguimos para o próximo passo.

Embrulhe as postas de bacalhau em papel alumínio e asse-as na grelha da churrasqueira.

Não tem churrasqueira? Faça no forno em fogo bem baixinho.

Enquanto o bacalhau assa, aqueça 300 ml de azeite com bastante alho picado.

Passados 40 min. - tempo suficiente para as postas assarem, desembrulhe-as uma a uma e passe-as ligeiramente (é ligeiramente mesmo!) no azeite com o alho.

Disponha as postas em um refratário, regue com a mistura de azeite e alho e sirva em seguida.

Hummm, eu disse que era bom!

O Sr. Coelho também deu o ar da sua graça...


...espalhando muito sorriso e alegria!

Espero que vocês tenham tido uma Páscoa bem bacana também!

Beijos e uma ótima semana!
Marula.

13 de abr de 2009

Telha de amêndoas (Tuiles pros chiques)

Antes de tudo queria agradecer imensamente os recadinhos que vcs me deixaram no post anterior! Amei, amei e amei! Fiquei mto feliz com o tanto de carinho que recebi! Muito obrigada!

Bom, pra comemorar o niver, pra matar a vontade de comer um biscoitinho e pra comemorar a instalação da net em casa (finalmente!).. resolvi preparar umas telhas!

Aqui em Brasília fui apresentada pelas queridas meninas do Les Socières a uma padaria deliciosa do Chef Guillaume Petigras, a Boulangerie. E toda vez que dou um pulinho por lá (106S) compro pão de cereais e telha. Adoro! Viciei e dai resolvi preparar em casa!

Vamos à receita!

Telha de amêndoas
Técnicas de Confeitaria Profissional

-125g de açúcar
- 125g de amêndoas em lascas
- 1 ovo
- 50g de claras (em média clara de um ovo grande)
- 20g de farinha de trigo
- 25g de manteiga sem sal derretida
- 2ml de essência de baunilha

Como fazer?
Coloque o açúcar com as amêndoas numa tigela, acrescente a farinha peneirada. Coloque o ovo e as claras, mexa com uma colher. Derrame a manteiga derretida e misture bem. Acrescente a essência de baunilha e deixe a preparação descansar por 15 minutos (óbvio que esqueci desta parte! engatei a primeira e fui direto!). Coloque pequenas porções sobre uma assadeira forrada com papel manteiga ou uma assadeira apenas untada. achate com um garfo umedecido com água. Leve ao forno a 180 graus para assar. Está pronto quando as bordinhas ficam douradinhas.

Dai tem uma outra etapa, tirar as telhas e colocar sobre um rolo de massa ou na própria forma de telhas.. eu até tentei fazer esta parte, mas ai minhas telhas deram uma trincadinha e não estava com muito pique de colocar uma a uma. E deixei todas mais "retonas", porém saborosas do mesmo jeito! Amêndoa é sempre amêndoa! Como é bão!

Bjos, Glau

Ps: Estas casinhas da foto comprei em Pirenópolis! Só tem as duas casas isoladas, pretendo ampliar a cidade!

12 de abr de 2009

Hoje é dia de festa!

Oba! Hoje é meu aniversário!
Eu me conheço.. em todo aniversário meus sentimentos ficam completamente ambíguos! Fico super feliz e tem horas que me bate uma tristezinha que muitas vezes não tem nem nome! Mas este ano tem um nome claro: estou com saudades da minha família! Sinto mto por eles não estarem pertinho de mim! Sei que eles estão perto de coração, mas fisicamente estão longe! Primeiro ano em 30 que passo um aniversário longe deles! Mas vamos que vamos que o show não pode parar!
Um beijo grande a todos e ótima Páscoa! da agora balzaquiana, Glau

9 de abr de 2009

Boa Páscoa!

Desejo a todos vocês uma Páscoa repleta de amor, alegrias, chocolates, afagos e comidinhas gostosas!

Fonte: gettyimages

Eu to indo ali descansar meus pezinhos e volto na segunda!

Foto divugação do filme de Sofia Coppola - Maria Antonieta

PS off topic: Vocês já assistiram ao filme Maria Antonieta de Sofia Coppola?! É irresistível, como todos os quitutes preparados de verdade para o filme! Um batalhão de cozinheiros foi contratado pela produção, que se alojou dentro do próprio castelo de Versailles. Só para madames mesmo, não é?! ;)

Um beijo doce,
Marula.

6 de abr de 2009

Torta holandesa


Semana passada foi aniversário do meu pai amado. Comemoramos em grande estilo, como ele merece, meu pai, um grande homem. Ele é sereno, já foi muito mais turrão, é um poço de inteligência, trabalhador, dono de uma voz grave e afinada que faz nossos olhos e corações transbordarem quando ele pega o violão. Ele (ainda) é a galinha dos seus 3 pintinhos. Ele é lindo, por dentro e por fora. Pensem num Chico Buarque ainda mais charmoso; é ele, o meu véio, como venho chamando-o de uns anos pra cá. Ele faz aquela cara séria dele, mas morri de rir da filha maluca que desde sempre já o amava tanto.

Para o jantar, tudo foi planejado nos mínimos detalhes, e a sobremesa não poderia deixar de ser especial: Torta holandesa! Ficou linda, linda, linda e muuiiito gostosa!

Eu sei que hoje é o dia universal da dieta, mas, meu dios, quem vai fazer dieta na semana da Páscoa?! Pois é, eu sei, então vamos nessa!

Torta holandesa

Vamos por etapas!

Para a massa você vai precisar de:

1 pacote de Biscoito tipo maisena
100 g de manteiga
1 caixa de Biscoito Calipso Original

Bata o biscoito no liquidificador até obter uma farofa fina. Coloque esta farofa em uma tigela, junte a manteiga e misture até obter uma massa homogênea. Reserve.

Coloque os Biscoitos Calipso em toda lateral de uma fôrma de aro removível (26 cm de diâmetro) e forre o fundo com a massa de biscoito maisena. Reserve

Parta para o recheio:

meia lata de creme de leite
3 colheres (sopa) de açúcar
meio pote de sorvete de creme

Bata todos os ingredientes na batedeira e despeje o recheio sobre o fundo de massa reservado. Cubra com papel alumínio e leve ao freezer por cerca de 12 horas.

Para a cobertura

200 g de creme de leite fresco
200 g de chocolate meio amargo
10 g de margarina

Numa panela, coloque o creme de leite e aqueça-o, sem deixar ferver. Tire do fogo, acrescente o chocolate e a margarina e misture bem até que o chocolate derreta. Espere esfriar e cubra a torta. Por cima, rale um pouquinho do chocolate para dar aquele toque charmoso!



A torta, devorada ao meio, para vocês verem a montagem!

Eu tirei várias fotinhos com a câmera do irmão gêmeo quatro anos mais velho, mas ele simplemesmente deletou tudo e ainda me disse assim ao telefone: "Ah, mana, deletei tudo, não sabia que você queria tanta foto de bolo, de pedaço de bolo, de lado e de quina e de cima de bolo, achei é que você tinha bebido muito vinho...".

É, só tenho a dizer que o amor fraternal é lindo e tudo perdoa!

Beijos e uma ótima semana (mais curta, êêê!),
Marula.

4 de abr de 2009

Armários, armários e armários

Eita palavrinha que não me saiu da cabeça... Imagina tudo que vc tem arrumadinho dentro dos seus armários... Pronto! Imaginou? Agora imagina tudo pra fora deles.. todas suas roupas, sapatos, louças, eletrodomésticos, quadros.. tudo pra fora!

Caos, né? Pois bem, como vcs sabem, foi assim que vivi por alguns dias..

O que você faz quando não tem 1 armário pra guardar suas coisas? A primeira coisa que fiz foi sentar e chorar. Nunca imaginei que ficaria tão feliz com a chegada de um armário Bartira, mas assim que comecei a desempacotar minhas coisas, vi que não caberia 1/3 do que tinha, daí sentei e chorei de novo! Precisei de uma dose de motivação e fui arrumando aos poucos, até que.. milagre! Coube tudo!

Mas pra quebrar galho e ter uma alternativa mais em conta, comprei vários baús e algumas cestinhas e espalhei pelo quarto e pelo banheiro.




Do jeito que gosto da minha casa ultra arrumadinha (minha mãe vai ter um treco quando ler isso pq eu sempre fui A bagunceira), a minha vontade seria mesmo de ter todos os armários planejadinhos, mas se não tem tu, vai tu mesmo! :)

Aproveito o assunto para apresentar o novo site e blog da minha irmã, Giselle, e da sócia dela, a Paty! Minha irmã é arquiteta e mega caprichosa, talentosa, linda, amada, minha irmã querida.

Beijos e bom final de semana!
Fui! Tenho que correr com as encomendas do Quitandoca!

3 de abr de 2009

Pirenópolis

Pirenópolis é uma cidadezinha do interior de Goiás, tombada pelo patrimônio histórico nacional. Fica pertinho de Brasília, a 140Km. É uma gracinha de cidade, é tradicional pelo artesanato, pela natureza e pela gastronomia.

Sairá de lá a ganhadora do Chef Revelação Centro-Oeste pela Revista Gula de Maio - é a Chef Marcia Pinchemel do Le Bistrô. (fonte: Cuecas na Cozinha)

Olha como a cidade é fofa!
Pena que o tempo não ajudou muito, apesar do calor caiu um pé d´água esse dia! :)

Toda cidade tem sua igrejinha no centro e em Pirenópolis não poderia faltar!
O estilo das lojas lembra o Embú das Artes
Pelo visto a cada visita que eu for receber em casa, vou passear em todos os pontos de Brasília e Pirenópolis.. sinto que tenho um "Q" de Tia Augusta correndo pelas minhas veias!

Ps: Pirenópolis fica mais de 1300Km de SP! Toda vez que vejo que estou em Goiás sinto que estou tããããããooo longe de casa! snif, snif