3 de dez de 2008

Engolir sapos

Atire a primeira pedra quem nunca engoliu um sapo na vida! Tem sapões, sapinhos, uns que ficam dias, meses e até anos revirando no estômago e são dificílimos de digerir.

Só digo uma coisa... às vezes é até bom engolir um sapinho pq ai te faz abrir os olhos, começar a questionar se você realmente precisa disto pra sua vida. É isso que vc quer? Ou vale a pena chutar o pau da barraca, mandar todo mundo passear no shopping (fina bem, época de Natal tem coisa melhor?) e se permitir um novo começo... livre, leve e solta!

Como já dizia Luis Fernando Veríssimo "(o homem) engole sapo, mas é o único que não faz isso pelo valor nutritivo." Tks pela terapia em grupo! :)

20 comentários:

Viviane Peçanha disse...

Parece que aqui tem bola de cristal e lê meus pensamentos!!!! Amo isso aqui!!!
Por uns ou outros sapinhos é que chutei sim o pau da barraca e agora estou num momento de reflexão para começar um novo ano e sem engolir esses sapinhos todos desses ano!!!
Lógico que vou ter que engolir outros, mas com certeza a experiência desse ano me fez entender que tudo, mas tudo tem limite, até sapo!! rs
Bjs.

Laurinha disse...

well

sapos

pepinos

abobrinha

cara amarrada

bico que vai até o chão...

acho que tem mais, mas não to com vontade de me estressar, pois acabo me lembrando, daí...

Beijinhos

Vivian disse...

ihhhhhhh, eu engulo sapos sempre, quase todos os dias !!!

bjks

Odete disse...

Eh Glau sei bem o que isso. Felizmente ha bastante tempo nao mais.
Mas pior que sapo engolido eh sapo entalado - parado na garganta, faz mal a alma.
O negocio eh digerir rapido e bola pra frente!!

Beijos

ameixa seca disse...

Hoje foi daqueles dias em que recusei a engolir sapos! Hoje exerci o meu direito a indignação e quem não quis ouvir, saiu pela porta! Eu odeio engolir sapo, eles são indigestos e eu recuso-me a ficar mal disposta. Hoje o sapo não desceu, ele seguiu para bater à porta de outras pessoas. Eu até gosto dos bichinhos mas... há sapos e sapos :)

Rute disse...

Querida Glau,
Até o meu ex falava q qdo eu morresse, ia me enterrar no brejo, de tanto sapo que eu já engoli nessa vida... Eu fiquei imaginando os sapos felizes, pulando pra fora do meu corpo sem vida: Esse eu engoli por causa disso, esse foi por causa daquilo em mil novecentos e bolinha... esse foi por q mesmo?? Viche.. é sapo que não acaba mais...!!
E com tanto prato gostoso q vcs ensinam fazer, engolir sapo nao tá com nada, né??!
Bjs!

Claudia disse...

Querida Sister,

A imagem do sapo que você usou é poderosa e eu espero que você não esteja planejando engolir muitos sapos em 2009. Desejo sinceramente que você não engula muitos sapos em 2009, exceto, é claro, quando for uma opção gastronômica sua baseada nos valores nutricionais deste animal.

Eu entendo teu ponto de vista mas o meu ponto de vista, o de irmã mais velha, recomenda que você não aceite engolir nem um sapo novo sequer.

Sapo pode fazer muito mal à saúde e causa males irreversíveis à moral, a auto-estima e à felicidade. Sapo destrói o meio ambiente de qualquer relacionamento pois mina sua confiança na natureza do ser humano e no futuro do planeta!

Uma das coisas que você aprende quando entra nos anos 40 é que nunca deveria ter aceitado engolir nenhum sapo.

Beijos, C.

Glau disse...

Vivi, eu jogo cartas e búzios antes de escrever! haha to brincando, querida! Tô contigo e não abro! pra chutar o pau da barraca tem que ser mto macho! Mta luz e mta paz no seu momento de reflexão! Curta e tenho certeza que 2009 será seu ano! Bjos

Laurinha, não lembre mais não.. passado, já elvis! :)

Vivi, um sapinho ou outro até vá lá, mas todo os dias tem uma hora que cansa, né?

Odetinha, tava com saudades dos seus comentários por aqui! Menina, falou tudo.. sapo entalado é mto pior! mas ó, não tenho engolido fácil não, viu?

Realmente Ameixinha tem sapos e sapos e tudo tem seu limite!

Rute, vc é amiga da Má, né? :) Uma vez me disseram o seguinte.. imagina que a gente carrega um saco nas costas e ai colocamos coisas nossas, dos outros, engolimos sapos até que chega uma hora que precisamos virar este saco e pegar o que realmente é nosso, fazer uma faxininha, jogamos algumas coisas fora, outras entregamos a quem de fato pertence e assim deixamos nosso saco mais fácil e menos pesado! Engolir sapo demais não dá, né? Tudo é uma questão de treino, aprender a falar não, a colocar limites.. Bjkas!

Claudinha, minha sis, mané morta que estou planejando engolir sapos em 2009! Mto pelo contrário, to deixando o terreno prontinho pra dar o bote! haha Adoro vc!

Amadas, lugar de sapo é no brejo! :)

Magia na Cozinha disse...

Quando a gente se dá conta que não precisa nunca mais engolir sapos, é uma delícia...
Bjs :)

Neide disse...

Engraçado... Eu estava tão entupida de sapos, que comecei ver o que de interessante havia na internet, para me distrair. Então descobri os blogs de culinária e vocês se tornaram minhas companhias. Principalmente você, acho seu blog muito alto astral e você uma pessoal super 10! Nunca imaginei que você também tem que engolir sapos. Mas, penso que há sapos que temos que engolir, por uma causa maior. Como não tem jeito, quanto mais rápido você digerir esse sapo , mais rápido você o manda descarga abaixo! Desejo que você consiga superar esse triste ocorrido, que vc possa festejar o Natal com a sua árvore tão linda! Um abração!!! Neide.

Téia disse...

Querida amiga, queria descobrir o remédio para sapo entalado na garganta, o laboratório ia ficar rico. É um verdadeiro exercício conseguir não engoli-los. Eu consegui em algumas áreas diminuí-los, mas em outras ainda não cheguei lá. É muito difícil eliminá-los, mas minimizá-los tem que ser uma meta. Boa sorte e conte sempre com meu ombro querida. Bj grande.

Pracinha do tempo disse...

Eu passei 5 anos a engolir sapos dos bem grandes, daqueles que nos fazem sentir que somos um pano de chão muito sujo, que já não serve para nada.
No último ano comecei a mandar os sapos para outro lado, mas eles voltavam cada vez maiores, até que decidi que merecia mais do que aquilo, que minha família merecia que eu chegasse a casa com um sorriso e não de cara amarrada.
Em Setembro dei as costas e comecei outra vida, mas agora enfrento a crise da falta de trabalho.
Mas não faz mal, agora sou feliz ao lado de meu marido e minha filha, ela já tem quase 3 anos e só agora descobri como é bom brincar com ela.
Desejo tudo de bom para voce e siga seu coração, não deixe que os sapos lhe tirem o sorriso.
Beijinhos. Mónica

Glau disse...

Claudia, disse tudo! é uma delícia mesmo...

Neide, amei seu recado! Puxa, fico feliz em saber que tornei sua companheirinha! minha mãe me chamava assim qdo eu era criança! Comente mais por aqui! Olha, eu já engoli mais sapos.. hoje antes de me ferir, de ficar magoada vejo o que realmente é meu e o que é do outro! isso tem me deixado tão mais leve, sabia? Tbém desejo um ótimo Natal pra vc!

Teinha, o fundo musical do seu comentário foi: "encoste sua cabecinha no meu ombro e chore" hahaha Amada, vc sabe que difilmente deixo a peteca cair e se cair levanto ela rapidinho! Obrigada pelo recadinho.

Mônica, repito o que disse a Rute e a Neide.. antes da gente tomar como nosso é sempre preciso avaliar a situação antes! nada de engolir sapos, né? Isso ai, querida, curta seu momento, sua filhota! logo mais vc estará empregada! Bjokas

Glau

laila disse...

mas cm vc é madame....sabera lindamente ersolver esse pequeno equivoco do destino..eheh

bjs

Bia Belliard disse...

ja engoli sapo, mas nao quero nem lembrar e bola para frente !! bjocas

Rute disse...

Eu tava pensando em fazer terapia mas olha que esse blog tá me fazendo economizar um dinheirinho bão, viu!!! Conselhos muito importantes, histórias gostosas de se ler, receitinhas que dá vontade de testar, enfim! tudo de bom!!!!
Glau, sou amiga da Má e sua também, tá?! Qquer dia a gente se conhece pessoarmente! Bj grande e fora frogs!!! rs!

A dona da cozinha disse...

amiga,
sou a favor de engolir sapos, inclusive, acho que é sinônimo de sabedoria.
b-joo

Viviane Peçanha disse...

Joga búzios, uhauhaa essa foi ótima Glau!!! Obrigada pelos votos para 2009!!!
Tenho certeza que começarei um ano de mudanças e de muita vitória!!! Os sapos foram parados de engolir e pra dizer a verdade começaram a engolir os meus sapos!!! E essa é a melhor parte! Estou devolvendo todos e cada um que pegue o seu!! kkkkkkkkkkkkk
Bjs!!!
Sucesso e paz!!!

Glau disse...

Laila, posso até fazer um barraquinho, mas never desço do salto! haha

Bia, isso ai bola pra frente!

Rute, a Má sempre me fala de vc.. bem logicamente, que vc é uma pessoa 10! Olha, não é pq eu sou psicológa, mas eu sou super a favor de terapia, ajuda bastante a gente! Mas fiquei contentíssima em saber que o blog te traz coisas boas, posso dizer que sinto o mesmo, sabia? adoro isso aqui! Vamos combinar uma cervejinha em breve?

Pois é, Paulinha, é duro, mas eu concordo com vc! :)

Vivi, é isso, amada! cada um no seu quadrado com seus próprios sapos! bjos

Canela disse...

Glau
Acho que todos sabemos o que é infelizmente...
Garanto-lhe que não os engulo há muito,claro que esta atitude tambem traz dissabores,mas faz bem à saude ...e sobretudo faz-me sentir bem comigo propria.....:)
Beijo