28 de nov de 2008

Alguns dias de fúria...

Eu precisei respirar até 18946483955434 de vezes para poder encarar com calma e serenidade uma situação que praticamente me fez sair dos eixos..

E agora senta que lá vem história ...

Quando eu morava na casa dos meus pais, eu não estava nem ai com as minhas bagunças.. jogava tudo, não arrumava a cama, embolava a roupa, jogava roupa suja no canto do quarto para alguma alma caridosa buscar, lavar, passar e colocar em cima da minha cama! Poxa, poderíam guardar pra mim, né? Não custava nada... :)

Só sei que (como já falei um zilhão de vezes) assim que me mudei, eu também mudei! Fiquei completamente noiadinha com arrumação, com limpeza! Antes de eu literamente mudar de casa teve um dia que eu praticamente pirei.. contratei uma ajudante e sua função era: lavar a lavanderia (redundância?) só sei que a pessoa passava paninho, esfregar do jeito que eu imaginava e eu queria era necas de pitibiriba! Só sei que ela durou uns 3 dias trabalhando aqui (nossa sintonia era outra! eu queria esfregar, desencardir, jogar cândida, sapóleo e ela queria passar paninho!) e ai neste belo dia, o espírito da Isaura colou em mim e não tive a menor dúvida! Coloquei a lavanderia abaixo! Lavei tanto, mas tanto que o porteiro interfonou perguntando se um cano tinha sido estourado! Af! mas ficou lindo, brilhando! Tinindo! Do jeito que eu queria! :)

Ok, passados alguns meses eu melhorei! Melhorei muito, mas eu confesso que ainda fico noiadinha e irritada com algumas coisas!

Para falar a verdade, não sei pq contei tudo isso.. só sei um dia desses recebi um email do meu digníssimo me convidando para uma festa.. oba, pensei! mas mal sabia eu (até ler o final do email) que a festa era na minha casa! Hã?

Me estressei horrores.. rezei pra chover mto por estas bandas (não no Sul, plis) e pra festa ser adiada (pra sempre)! Mas.. só sei que os convidados não tinham a menor culpa da minha fúria! Não consegui colocar em ação nenhum plano mirabolante que minha mente insana foi capaz de criar! Juro, pensei em mil coisas... em deixar a casa mega bagunçada, em tratar mal os convidados, em sair no meio da festa linda e maravilhosa "vou sair com minhas amigas e não sei que horas volto!", mas essa não sou eu! Pior de tudo (ou melhor de tudo), a casa estava arrumadinha, eu tomei um banhão, passei meu perfurminho, sequei meu cabelito e recebi com todo o carinho os convidados!

E posso dizer uma coisa? Foi ótimo! Me diverti horrores! A pizza foi servida no guardanapo, cerveja na latinha.. nada de mesa posta, nada de jantar planejado, nada de sobremesa! Verdadeira convidada! Amei!
(fonte: Getty Images)

18 comentários:

Andrea Dohashi disse...

Madame querida, já perdi as contas de vezes que eu queria que algum convidado desistisse de vir em casa, mas por ironia do destino essas vezes são as que mais me diverti! Coisas da vida.
Mas quebom que você se divertiu, isso sim é o importante!
Beijocas

Bia Belliard disse...

ja aconteceu tanto iso aqui, mas agora nem me esquento mais pq sempre acabo me divertindo, mas as primeiras vezes foram assim mesmo ! bjocas

Dani disse...

Oh Glau, que bom que aquele seu stress inicial passou!

Havia sentido mesmo q vc estava irritada na segunda, mas q ótimo q as coisas q vc pensou nem foi preciso colocar em prática contra e por fim tudo deu certo...rs

Tenho uma boa dessas que aconteceu com minha irmã. Depois te conto.
Bjs

Luciana Macêdo disse...

Pois é, eu que já tenho muuuuitos que tenho a minha própria casa ainda tenho estas neuras. Quero que tudo esteja perfeito,super arrumado nos mínimos detalhes. Já melhorei mas ainda falta muito. Gosto de receber as pessoas, hóspedes, mas me preocupo muito e acabo não aproveitando a ocasião como deveria. É preciso relaxar...
Bjs!

Canela disse...

Já me aconteceu e tambem fazer imenso esforço para sair,porque não me apetece e depois divertir-me imenso...
Bj

Claudia disse...

É nega, não é sempre que a gente tem a obrigação de fazer 'a meiga'. Não dá para idealizar ninguém, nem deixar que te idealizem. Melhor saber oscilar!

A vida é um pouco sonho e um pouco realidade. As proporções de quanto vai aonde, até quando dura sonho e realidade é você quem decide.

Mas o legal é que foi bom e que para ser bom não precisa ser no guardanapo de linho, nem na mesa posta.

Existe o lance da mágica dos encontros e para fazer esta mágica funcionar só pessoas bastam.

C.

Téia disse...

Amiga, hoje em dia, eu nunca penso assim, adoro receber, e não fico estressada com visitas, mas antigamente eu ficava nervosa e tal, vi que não vale a pena, que existe festas chiques e festas simples, que recebendo de braços abertos, todo mundo entende. Caso não entendam, não fazem parte do meu ciclo, e tenho dito (Ô mulher braba). Sempre peço para o marido me avisar, senão acho desrespeito, mas ele fino que é, nunca me aprontou uma destas. Também, eu fico avisando a ele que acho um absurdo, quer fulano fez isto com a mulher...kkkk...Então, vamos aproveitar a fofoca e os petiscos e está tudo certo...Quando nos encontramos não, vou fazer um banquete, você merece....Bj grande lindona.

Glau disse...

Déa, eu curto receber gente aqui em casa.. mas eu tava p. da vida com outras cositas, mas passou, passou! e eu me diverti mto sim!


Bia, foi legal ter visto que mesmo sem eu planejar nada as coisas podem rolar de uma maneira mto legal. O problema está em querer controlar tudo tbem.. af, a gente vai melhorando com o tempo, ne

Dani, eu te contei na segunda mas tava p. desde 4a. passada qdo recebi o "email convite" .. eu precisava ter dado meus pitis pra curtir o dia! no fundo eu sabia que eu ia curtir!

Lu,é preciso relaxar mesmo.. eu já tinha estressado, brigado.. então, tava aliviada e ai na hora foi só curtir! nao me preocupei com absulutamente nada! e foi ótimo, viu

Canelinha, acontece com as melhores famílias, né hehe

Claudinha, adoro vc. Impressionante como vc consegue traduzir e sacar as minhas entrelinhas.

Teinha, adoro receber as pessoas em casa, tenho o maior prazer em pensar, planejar, preparar, mas fiquei mto brava pq não fui avisada antes (ou como gostaria) mas enfim, dá pra ser feliz de uma maneira mais leve, né. Amada, eu tbem farei um banquete pra vc, como vc merece!

Mara disse...

Obrigada, Clau!! fiquei com receio de ser uma receita muito óbvia;)) ah, adorei esse seu post. tbm tenho tudo isso! vou postar uma charge que é perfeita para esses nossos momentos ;) depois passa lá. bjs! e espero que o desejo da rita palida seja realizado. vou participar sempre que puder. valeu!

Mari Azevedo disse...

Glauzinha, acho q no teu lugar eu teria tido a mesma reação - especialmente se estivesse nervosa / brava / chateada com outras coisas! Graças a Deus, o Marcelo conhece bem a fera com quem é casado, e não faz dessas... rs... mas no final, que bom que tudo deu super certo e você se divertiu!!! Esses momentos é o que levamos de bom da vida, né?
Bjãooooooooo!!

Nana disse...

Tá de TPM? kkk Tinha pizza de chocolate?!
Oh guria brava!
Bjss

ameixa seca disse...

Acontece-me muitas vezes... acho que sou meio bicho do mato, mas depois do começo da festa viro a palhaça e solto risada pra todo o lado ;)

Emília disse...

Tem dias que a gente já não acorda bem; mas o que uma pizza e amigos não fazem! rss
Beijinhos

Mundo de Alice disse...

Glau eu ri muito imaginando a tua furia!!! as vezes fico furiosa e "fora de si" hehe e depois tenho que rir
que bom que passou
bjs

Axly disse...

Eu também fiquei assim quando casei e olha que ainda continuei na casa de mamãe.
Mas, tirando a comida e arrumação do resto da casa, tudo é por minha conta absoluta (e do maridão também, claro!)
Dai tinha esses surtos...
Boa festa, gostosa e sem trabalheiras.
Kisss^^

Simone Izumi disse...

Glau!!!!hahahahhaha....meu que engraçado. Acho admirável as pessoas que mantém a casa limpinha, tinindo e com cara de propaganda de Bom Ar....tudo tão lindo e reluzente que dá até vontade de dar uma festinha nesses lugares...ooops!ahhahahahah...
tipo, posso fazer a minha festinha de aniversario aí na semana que vem??rs
Glau, eu não consigo ser uma seguidora da seita Madames na Cozinha...rs. É algo com o seu feed...que me lembra de food...hmmm...

bjs

Magia na Cozinha disse...

Eu sou meio estressada com a arrumação da casa, pois não gosto de viver em casa suja e desorganizada. Fica parecendo que aquela sujeira e desordem está dentro da minha cabeça. Me sinto sem controle sobre a minha vida. Será que Freud explica?
Gosto de receber visitas, mas é difícil relaxar 100%. Tem gente que nem dá bola para estes detalhes que muitas de nós nos preocupamos.
Isto deve ser um aprendizado de todos os dias: Relaxar e aproveitar.
Bjs :)

Laurinha disse...

pois é, tb penso no tapete que vai manchar, no sofá que vai ficar, sei que vai, porquê já ficou manchado de gordura, guardanapo enfiado sabe lá onde... como tem gente que consegue fazer algumas coisas, realmente não sei........ no final, choro de tristeza por algumas coisas, e fico feliz por outras mil coisas... o saldo sempre é bem positivo, então... OK, festa em casa, povo!
Beijinhos